Acir é recebido com emoção e entusiasmo em Ji-Paraná

    0

    O senador Acir Gurgacz foi recebido com muita emoção e entusiasmo em Ji-Paraná, neste sábado, 1º de junho, no Encontro Estadual do PDT. Mais de mil correligionários do PDT e de vários partidos que estiveram aliados nas últimas eleições estiveram na recepção ao senador no Aeroporto José Coletto e participaram do encontro na Associação Atlética Cascavel.

    Emocionado com a recepção, o senador Acir Gurgacz agradeceu o apoio e a confiança de todos e disse que vai continuar firme no propósito de provar sua inocência no processo que responde no Supremo Tribunal Federal (STF). “Jamais abandonarei a luta pela minha honra. Devo isto à minha família e ao povo de Rondônia que sempre me estendeu a mão. Sigo o trabalho no Senado. Concentro esforços em favor de Rondônia e da reconstrução do Brasil”, frisou Acir.

    Ao agradecer os correligionários e à população de Rondônia, o senador disse que sempre foi um homem de muitos amigos. “Obrigado a todos que me apoiaram e continuam ao meu lado. Aos mais próximos e aos que estão longe. Aos que eu conheço bem e àqueles anônimos que não conheço o rosto e mesmo assim mandaram sua energia positiva, fizeram suas orações por mim e se indignaram pelo que aconteceu”, disse Gurgacz.

    Ao explicar sua situação, Acir afirmou que seu processo no STF, trata de um empréstimo no Banco da Amazônia, totalmente pago pela Eutatur, em que era apenas avalista, e onde não há irregularidades e ninguém da empresa sofreu qualquer tipo de penalidade, pois o banco atestou que, em todos os aspectos, o empréstimo estava completamente regular e foi totalmente pago.

    “O que não dá para entender é como eu, que fui apenas um dos quatro avalistas de um empréstimo pago e regular, tenha sido punido”, destacou Gurgacz.

    Acir também destacou que o processo foi julgado apenas na primeira turma do STF. “Foi um julgamento único, em 25 de setembro de 2018, poucos dias antes das eleições, – na primeira turma do STF – e o processo foi considerado transitado e julgado com data retroativa a 14 de agosto de 2018”, explicou.  Acir disse que aguarda revisão do plenário do STF, quando todos os ministros estarão presentes para votar.

    Acir disse que cumpre serenamente a decisão da primeira turma do STF, “porque sempre respeitou a Justiça, em todas as suas instâncias”, mas que aguarda o julgamento dos recursos e o restabelecimento da verdade.

    A deputada federal Sílvia Cristina destacou que Acir é vítima de seu trabalho e de seu compromisso com Rondônia e o Brasil. “Acir, o povo de Rondônia conhece a tua vida, a tua trajetória de luta e o teu trabalho pelo desenvolvimento de Rondônia. Você tem nosso respeito, admiração e confiança”, disse.

    Sobre os preparativos para as eleições municipais de 2020, a deputada destacou que o PDT está numa onda crescente em Rondônia e em todo o Brasil. “Já percorremos todo o Estado reestruturando os diretórios para nos fortalecermos ainda mais nas eleições municipais e assim participarmos de forma ainda mais efetiva da construção de uma Rondônia e de um Brasil bem melhor para todos”, salientou a deputada Sílvia Cristina.

    O senador Acir Gurgacz destacou que o PDT se fortaleceu muito nos últimos anos, no âmbito nacional e também em Rondônia. O partido, que teve Ciro Gomes com candidato a presidente em 2018, com 12,47% dos votos válidos no primeiro turno, ganhou nove cadeiras a mais na Câmara dos Deputados, somando 27 parlamentares, e conta agora com quatro senadores. “Em 2019, vamos multiplicar o número de vereadores e prefeitos em Rondônia e solidificar ainda mais nosso projeto político para o Estado e para o Brasil”, frisou Acir.