Notícias
07
DEZ
  Plenário examinará projeto sobre calúnia contra candidato a cargo político

A Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) aprovou, nesta quarta-feira (6), o Projeto de Lei da Câmara (PLC ) 43/2014, que prevê prisão de até oito anos para quem acusar injustamente um candidato a cargo político com o objetivo de prejudicar a sua candidatura. O texto segue para análise do Plenário.

O PLC 43/2014 altera o Código Eleitoral para tipificar como crime a denúncia caluniosa para fins eleitorais. Atualmente a legislação pune essa prática com penas alternativas e, eventualmente, sursis (suspensão condicional).

A pena prevista no projeto é de dois a oito anos de reclusão e multa. Essa pena será aumentada em 1/6 se o autor do crime utiliza nome falso ou faz denúncia anônima. E será reduzida pela metade se o autor acusa alguém inocente de ter cometido uma contravenção penal.

A pena máxima também se aplica se o crime for praticado com o objetivo de iniciar uma investigação eleitoral, ou ação de impugnação de mandato eletivo. Será punido igualmente aquele que, ciente da inocência do denunciado, publica ou divulga a calúnia por qualquer forma ou meio.

“O parecer aprovado pela Câmara destaca, com pertinência, que o projeto enriquece o processo eleitoral, por combater atitudes rasteiras e abomináveis, destinadas a ‘violar ou manipular a vontade popular e impedir a diplomação de pessoas legitimamente eleitas’”, afirmou o relator, senador Acir Gurgacz (PDT-RO). A proposta é de autoria do deputado Félix Mendonça Júnior (PDT-BA).

« VOLTAR

 
 
 
 
mais noticias
25
ABR
  Rádios comunitárias terão mais abrangência
24
ABR
  Aeroportos de Rondônia terão prioridade
18
ABR
  Acir Gurgacz critica lucro dos bancos e diz que queda de juros é 'engodo'
17
ABR
  Concessão da BR-364 é debatida no Senado
11
ABR
  Acir apresenta projeto de novo marco legal para licenciamento ambiental
03
ABR
  Acir comemora certificação e cobra mais fiscais para defesa agropecuária
26
MAR
  Proposta que incentiva aviação civil na Amazônia pode ser aprovada na CI
23
MAR
  PDT reúne militância do Cone Sul
23
MAR
  Acir destina mais R$ 2 milhões para a saúde
20
MAR
  Ji-Paraná é credenciada para ter curso de Medicina